ADUFPEL - Associação dos Docentes da Universidade Federal de Pelotas

Logo e Menu de Navegação

Andes Sindicato Nacional
A- A+

Notí­cia

ANDES-SN divulga Caderno de Textos do 38º Congresso

O ANDES-SN divulgou, nesta terça-feira (20), o Caderno de Textos do 38° Congresso do ANDES-SN.  O evento ocorrerá entre 28 de janeiro a 2 de fevereiro, em Belém (PA). O tema central do 38º Congresso será “Por Democracia, Educação, Ciência, Tecnologia e Serviços Públicos: em defesa do trabalho e da carreira docente, pela revogação da EC/95”.

As contribuições enviadas até dia 10 de dezembro irão compor o Anexo ao Caderno de Textos, que será publicado em 17 de dezembro. Os textos deverão ser remetidos para a Secretaria do Sindicato Nacional por e-mail (secretaria@andes.org.br).

Conforme deliberação do 62º CONAD, a apresentação de textos referentes ao Tema I – “Movimento Docente, Conjuntura e Centralidade da Luta” também será admitida no Anexo ao Caderno de Textos. Para isso, o texto precisa ser oriundo de e aprovado em assembleia de base.

Credenciamento prévio
Na Circular 308/18, o ANDES-SN reafirma a importância do credenciamento prévio para facilitar a organização do evento. O período para envio da documentação regimental para inscrição de delegados, observadores e suplentes vai de 3 de dezembro a 22 de janeiro.

A ratificação ou retificação do credenciamento durante o evento ocorrerá no dia 28 de janeiro, das 9h às 12h e das 14h às 18h. Os critérios para a escolha dos participantes do 38º Congresso estão expressos nos artigos 16 e 17 do Estatuto do ANDES-SN.

Confira aqui a circular com as orientações

Confira aqui o Caderno de Textos 


Fonte: ANDES-SN

Veja Também

  • relacionada

    Mais uma edição do Universidade na Rua acontece neste sábado (15)

  • relacionada

    Diretoria da ADUFPel-SSind parabeniza a RádioCom pelos seus 18 anos

  • relacionada

    ADUFPel-SSind debate carga horária docente com a Reitoria

  • relacionada

    Greve Geral: confira as atividades em Pelotas

  • relacionada

    Reforma da Previdência muda Constituição para privatizar direitos

  • relacionada

    Jair Bolsonaro exonera todos os peritos do Mecanismo de Combate à Tortura

Newsletter

Deixe seu e-mail e receba novidades.